terça-feira, 25 de março de 2014

Método IDIC em Redes Sociais

Esse post foi escrito em 10/07/2010 para o blog PROPeMARK.



[I]dentificar, [D]iferencial, [I]nteragir e [C]ustomizar. Esses são os significados da sigla IDIC segundo Don Peppers e Martha Rogers.
Esse "método" é totalmente aplicável em redes sociais e o autor do blog Tecnocrata Digital, Plínio Medeiros, relacionou de forma bem interessante com o meio digital.

[Identificar]: saber quem são seus principais clientes que acompanham nas redes sociais, talvez nem em caso de consumo, pois podem consumir pouco porém ajudam muito viralizando seus produtos, divulgando para amigos. Precisa saber o que eles gostam e o que querem, monitorar os principais consumidores é muito interessante.

[Diferencial]: os consumidores não precisam de um canal de redes sociais simplesmente para saberem as suas ofertas, para isso existe uma ferramenta chamada newsletter. Nas redes sociais é necessário um conteúdo que beneficie diretamente ou indiretamente o consumidor com o seu produto, é uma venda indireta, como dar dicas de moda para vender mais peças de roupas, por exemplo.

[Interagir]: como um processo só é possível interagir depois de identificar. Não é somente responder, é incentivar opiniões, desenvolver ações inteligentes que agreguem a marca na vida do consumidor. Use e abuse de todas as ferramentas de redes sociais para tal, principalmente em campanhas que o cliente possa participar deste conteúdo.

[Customizar]: ofereça um atendimento personalizado com cada cliente, um espaço para ele, onde ele possa expressar suas opiniões e até mesmo dar idéias para empresa, deixe-o gerar o conteúdo divulgando o seu produto.

(Tecnocrata Digital)

[Comentários]:

Na parte do "identificar", me chamou a atenção a passagem "talvez nem em caso de consumo, pois podem consumir pouco porém ajudam muito viralizando seus produtos, divulgando para amigos". Muitas vezes seu maior cliente não é aquele que consome seu produto demasiadamente, ele pode não ter condições de adiquirir. Contudo, ele pode espalhar a sua idéia de forma a influenciar diversos clientes (mesmo que pequenos) que adiquiram seus produtos. Para mim, esse é um cliente muito mais importante que aquele que só adquire por dois motivos:

01) A pessoa que consome e não veste a camisa de sua empresa, pode simplesmente deixar de adquirir seu produto se o concorrente der para ele uma vantagem a mais.
02) O "pequeno consumidor" porém "grande divulgador" já veste a camisa da marca, sendo assim é mais dificil ser persuadido pelo seu concorrente.

No "diferencial" o Plínio falou tudo! Rede Social é um meio de INTERAÇÃO. Você não deve usar a ferramenta APENAS para informar as qualidades do seu produto. É importantíssimo que voce produza conteúdo, talvez até uma justificativa para o mesmo. Você simplesmente dizer que ele é o melhor basta, tem que dizer o porque que ele é o melhor e porque é o mais indicado para resolver o problema do consumidor.

A "interação" em redes sociais empresariais está melhorando aos poucos de acordo com o ditado "agua mole em pedra dura tanto bate até que fura", mas ainda precisa melhorar muito. As empresas ainda sentem o "baque" quando veem a reclamação em seus perfis sendo bastante comum o "deletar comentário".

A "customização" dispensa comentários quando se entende que o mundo está tendendo à customização. Os produtos estão cada vez mais nivelados, tanto em qualidade como em valor agregado, assim os consumidores estão tendendo mais para quem lhe dá um tratamento diferenciado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário